Dieta colorida

Dieta Colorida, Saúde Garantida

Dieta coloridaDesde os tempos mais remotos, aprendemos que antes de tudo “comemos com os olhos”.

A agradável visão de um prato colorido, além de nos induzir ao prazer de comer, traz maior quantidade e diversidade de nutrientes. As cores dos alimentos são determinadas por pigmentos, substâncias, que além de colorir, desempenham papéis importantes na prevenção e proteção do organismo contra doenças.

Segundo os preceitos dessa dieta, a alimentação fica mais bonita, saborosa e nutritiva, além de proporcionar maior saciedade, evitando “ataques” por impulso. Variedade é a palavra chave; consumir diariamente frutas, legumes e hortaliças de cores diferentes, garantindo a ingestão de alimentos hipocalóricos, com grande quantidade de vitaminas e minerais, trazendo como benefícios a redução significativa de desenvolver doenças cardiovasculares, diabetes, osteoporose, anemia, neoplasias, entre outras doenças.

Conseguimos uma maior oferta de nutrientes quando variamos ao máximo as cores e os sabores. Podemos dividir os alimentos em seis grupos de cores: branco, vermelho, amarelo-alaranjado, verde, azulados e arroxeados e marrons.

A nutricionista Tarcila Ferraz de Campos nos esclarece que:

  1. alimentos brancos representados pelo leite, queijo, couve-flor, arroz, cogumelo e banana são ótimas fontes de cálcio e potássio, minerais que contribuem na formação e manutenção dos ossos, ajudam na regulação dos batimentos cardíacos e são fundamentais para o bom funcionamento do sistema nervoso e dos músculos.
  2. alimentos  vermelhos representados pelo morango, tomate, melancia, caqui, goiaba vermelha, maçã, acerola, framboesa e cereja são ricos em licopeno, substância antioxidante apontada como protetora eficaz contra o aparecimento de câncer de próstata.
  3. alimentos amarelo-alaranjados ricos em vitaminas A, C e carotenóides  presentes no mamão, cenoura, manga, laranja, abóbora, pêssego e damasco, possuem atividades  antioxidante,  anticancerígena e ajudam a manter o sistema nervoso saudável, protegendo o coração e a visão.
  4. alimentos verdes como o abacate, brócolis, chuchu, kiwi, limão, pepino, vagem e os folhosos em geral contêm clorofila, ferro, vitaminas A e K e atuam na desintoxicação das células, protegendo contra a anemia e exercem função anticancerígena, inibindo o envelhecimento e protegendo a visão e o coração. Promovem ainda a regeneração dos cabelos e da pele.
  5. alimentos azulados e arroxeados tais como uva, ameixa, framboesa, beterraba, berinjela e repolho roxo possuem atividade antioxidante, que favorece o retardo do envelhecimento. Também protegem o coração, rins, aparelho digestivo e previnem alguns tipos de tumores.
  6. Marrons tais como aveia, nozes, castanha, feijão, lentilha são ricos em fibras e vitaminas do complexo B e E auxiliam no funcionamento do intestino e previnem doenças cardiovasculares.

Os adeptos da dieta colorida sugerem que devemos “montar” nosso prato com pelo menos um alimento de cada cor; isto garantirá o equilíbrio de nutrientes e promoverá uma rápida saciedade.

Adicione cor ao seu prato, sua saúde agradece!

Comentários

Deixe Seu Comentário

comentários

Veja também

beenfícios da roma_texto

Você conhece os benefícios da romã?

A romã, cujo nome científico é Punica granatum, originária do Oriente Médio, embora muito conhecida ...