Home / Nutrição / Alimentação Saudável / Sorvete Diet, Light e Normal

Sorvete Diet, Light e Normal

Conheça as diferenças entre as versões dos sorvetes e faça sua escolha!

Shutterstock _55024867Nessa época de verão, todos têm vontade em algum determinado momento de degustar um sorvete. Mas dentro de tanta variedade, qual a escolha mais saudável? O Portal De Bem com a Vida entrevistou Tarcila Beatriz Ferraz de Campos, nutricionista do Grupo de Educação em Diabetes do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

De Bem com a Vida: Quais são as diferenças entre sorvete diet, light, normal, de yougurte e de leite, com relação à composição, valor nutricional?

O sorvete é feito a partir da mistura de água ou leite, açúcar, gordura, suco ou aroma de frutas, emulsificante, espessante e aditivos. Possui diferentes técnicas de fabricação. Sua fórmula permite que sejam acrescentados ingredientes para obter sabores e texturas variadas. Do ponto de vista nutricional, o sorvete pode ser considerado um alimento nutritivo, pois sua fórmula possui proteína, açúcar, gordura vegetal ou animal, cálcio, fósforo, vitaminas A, B1, B2, B6, C, D, K e outros minerais que fazem bem à saúde.

O sorvete diet é um produto que teve algum componente completamente extraído, como gordura ou açúcar. Estes têm um público alvo que possui restrição de ingestão de algum componente específico. Atenção, diet não significa menos calorias. Já a opção light tem: uma redução de, no mínimo, 25% de algum ingrediente, indicada na embalagem. Ao contrário dos alimentos diet, os produtos light não foram desenvolvidos para atender às necessidades nutricionais de determinado grupo. Eles surgiram para suprir a demanda de uma fatia crescente da população, que se preocupa com o bem-estar e a manutenção da saúde.

Em contraponto, o sorvete a base de leite são indicados principalmente para pessoas que precisam de uma ajuda na ingestão diária de cálcio, mas não são as principais fontes da substância; são apenas complementares aos outros componentes da alimentação. O sorvete de iogurte apresenta um valor nutricional interessante: menos gordura e mais proteína, importante componente dos músculos e dos tecidos, que participa ainda do funcionamento do sistema imunológico. Além disso, essa sobremesa contém maior quantidade de cálcio, um mineral essencial para a formação e manutenção dos ossos e dos dentes. Quando às pessoas vão a casas especializadas em sorvetes, a opção de massa possui açúcar, leite ou água com frutas, gordura vegetal ou animal, emulsificantes e estabilizantes. Quando são industrializados, essas informações nutricionais são apresentadas nas embalagens.

De Bem com a Vida: Qual deles é o mais saudável?

É fundamental observar a quantidade de gorduras trans presente na composição dos sorvetes. Tanto ela quanto a gordura normal, quando consumidas em quantidades acima do ideal, são nocivas ao organismo e podem contribuir para desencadear problemas de saúde como aumento de colesterol ruim (LDL), doenças cardiovasculares e obesidade.

Os sorvetes de frutas costumam ser mais leves, pois são feitos com água, mas se compararmos com um sorvete de massa, as calorias são equivalentes, assim como os sorvetes à base de soja. A vantagem desse último é que por ser totalmente vegetal, pode ser consumido por pessoas que têm intolerância à lactose e ao glúten. Além disso, a proteína de soja ajuda a reduzir o colesterol ruim.

De Bem com a Vida: Para pessoas com diabetes, qual deles é o mais recomendável?

É importante dar preferência aos tipos de sorvete menos calóricos e com menor quantidade de açúcar e gordura. Sorvetes à base de leite ou água com frutas são as melhores opções.

Vanessa Pirolo

Jornalista, criadora do blog convivência com diabetes, tem diabetes desde o seus 18 anos, e redatora do Portal DBCV. Quer me conhecer melhor? Então, clique aqui!

More Posts - Website

Deixe Seu Comentário

comentários

Veja também

shutterstock_411057103

Alimento saudável também engorda?

Atualmente, são extensas as publicações que nos informam o que devemos ou não comer para ...